Intestino preso? A laranja pode te ajudar

Muitos nutricionistas recomendam comer a laranja ao invés de apenas tomar o suco da fruta coado, e não é pra menos! O bagaço da laranja esconde benefícios para a nossa saúde que você nem pode imaginar, inclusive para o intestino!

A parte branca encontrada entre os gomos das laranjas pode ser até mais preciosa que o suco, pois é ali que se encontra a pectina, uma fibra solúvel que, no intestino, vira uma espécie de gel que ajuda no emagrecimento e auxilia nossa saúde. Esse gel que se forma no nosso corpo tem a capacidade de reduzir a assimilação de açúcares e gorduras e também impedir a reabsorção do colesterol. Além disso, a pectina também ajuda no controle da taxa de glicose no sangue, se tornando grande aliada no combate a diabete.

O bagaço tem a função de ajudar na digestão de alimentos mais gordurosos, favorecendo o trabalho dos intestinos grosso e delgado.

A fibra, presente no bagaço da fruta, é um verdadeiro ‘detergente’ para o nosso organismo, afinal ela retira metais e toxinas indesejáveis no corpo. A pectina é ótima para dietas. Por ser rica em fibras, promove uma melhor mastigação e, com isso, proporciona maior saciedade.

A pectina também pode ser encontrada em outras frutas como banana, cenoura, maçã, beterraba, cenoura e repolho, além de outros alimentos, mas é na laranja que ela está presente em maior quantidade. Cada unidade do fruto tem cerca de 2 gramas de pectina. Mas é preciso ressaltar que quem faz dieta de emagrecimento não deve exagerar no consumo de laranja, nosso organismo necessita de 3 a 5 porções diárias de frutas.

A laranja deve ser consumida o ano todo, a fruta é rica em vitamina C e sais minerais tem ainda uma quantidade enorme de fitoquímicos, substâncias naturalmente produzidas pelo organismo que previnem doenças crônicas, como a osteoporose e o câncer. Além desses benefícios ela também é responsável por ações anti-inflamatórias e antioxidantes, que evitam o envelhecimento precoce dos tecidos.

Especialistas acreditam que a laranja diminui a tensão pré-menstrual, o estresse e ajuda a reduzir o risco de diabete e alguns tipos de câncer, como o de cólon, e aneurismas, graças a um de seus componentes, o glutarato.