Bagaço da laranja é utilizado para desenvolver telha ecológica

Duas estudantes do terceiro ano do Ensino Médio da rede pública de Limeira, no interior de São Paulo, desenvolveram uma telha ecológica usando o bagaço da laranja. Ela atende todos os parâmetros e normas de segurança e custa metade do preço de uma telha tradicional.

O produto foi criado para uma feira de ciências da escola, mas acabou ganhando destaque e rendendo prêmio na Espanha. O objetivo do projeto sustentável era desenvolver uma telha que fosse viável e mais barata para as pessoas conseguirem comprar e utilizar na construção de casas.

Durante o procedimento, as alunas compraram a laranja e removeram o suco, para fazer o primeiro protótipo, aplicando somente o bagaço da fruta na receita tradicional de uma telha. Porém, o bagaço, a argila e o cimento não tinham compatibilidade, fazendo com que o material esfarelasse.

Após ao fracasso da primeira tentativa, as estudantes descobriram uma resina de mamona que possuía compatibilidade com o bagaço da cana de açúcar e, então, decidiram usar a mesma com a laranja.